Startup usará drones para plantar 1 trilhão de árvores

  • em 23 de setembro de 2019
Drones reflorestamento

A preocupação com as mudanças climáticas movimenta pessoas, instituições e empresas por todo mundo. Em meio às mobilizações para conter desmatamentos e degradações ambientais, uma startup aponta uma solução por vias aéreas. A Now pretende utilizar drones para acelerar processos de reflorestamento pelo mundo.

Os plantios serão acionados por assinantes da plataforma, que poderão contratar planos cujos preços variam de U$5 a U$ 25 mensais. Cerca de 90% de tudo que for arrecadado será destinado aos programas de semeadura. A promessa foi feita por Jessica Jones, cofundadora da Now. “Temos a ciência nos dizendo o que precisa ser feito”, disse, em entrevista ao portal Fast Company. “Você tem pessoas que estão acordando para esta crise ecológica, mas elas estão realmente confusas ou inseguras sobre como agir e o que fazer”.

O objetivo da Now com os drones é alcançar 1 trilhão de árvores. Jessica está otimista. “É claro que com o plantio manual, isso simplesmente não acontecerá no tempo em que precisa acontecer. Os drones, no entanto, poderiam plantar 20 bilhões de árvores por ano ao longo de 50 anos para atingir a meta”.

E mais: Empresas investem em novas aplicações para os drones

União

A proposta da Now, mais do que realizar o replantio, é congregar os que querem colocar em prática um projeto de mudança na sociedade.” Resolver a crise climática não é mesmo um problema da ciência ou da matemática. Em vez disso, a verdadeira resposta está na arte de crescer um movimento”, diz o manifesto publicado no site da startup.

É no site onde o usuário se cadastra, realiza o pagamento de acordo com o plano escolhido e acompanha o plantio que o seu aporte viabilizará.

Mesmo ainda nascente, a empresa já coloca os seus projetos no céu. Por meio de uma parceria com organização Eden Reforestation Projects, a Now promoverá a restauração de mangues em Moçambique e Madagascar. Em 2020, os seus drones sobrevoarão as matas no entorno de San Diego, na Califórnia.

Veja também:

Drones já entregam mercadorias na capital da Austrália

Robô inspirado em formigas substitui GPS

Captação de energia solar através de vidros e telas está próxima

Views:
792
Article Categories:
Notícias

All Comments

Ver também