Projeto visa melhorar a vida de pessoas com mobilidade reduzida com tecnologia AI e robótica

Foram divulgados os nomes dos cinco projetos finalistas do Mobility Unlimited da Toyota durante a maior feira de tecnologia do mundo. Parceria entre a Toyota e a Nesta’s Challenge Prize Centre, o programa tem como objetivo melhorar a vida de pessoas com paralisia ou mobilidade reduzida.

Cada um dos projetos selecionados recebeu um aporte de US$ 500 mil, cerca de R$ 2 milhões. Recursos que irão ajudá-los a se desenvolver e ajudar mais pessoas. Além disso, o vencedor deverá receber um financiamento a mais de US $ 1 milhão.

A seleção dos projetos selecionados fora bastante criteriosa passando por um painel de jurados e de especialistas. Ao todo, o programa recebeu 80 inscrições originais de 28 países. Os responsáveis pelos cinco premiados tiveram de se reunir com um grupo de engenheiros, inovadores e designers. Eles trabalharam em parceria com os “consumidores finais” de seus respectivos produtos. A estreita colaboração com os usuários funcionou para garantir que as criações resultantes não coibissem a liberdade e mobilidade do usuário.

Os cinco selecionados foram:

1. Uma cadeira de rodas com tecnologia AI. É uma peça ultraleve e com auto-equilíbrio, características que eliminam as vibrações e, consequentemente, a dor e o desconforto causados por elas.

Por meio de sensores inteligentes, a cadeira se adapta com facilidade às necessidades dos usuários, fazendo, assim, com que ela mantenha sincronia de acordo com a movimentação. Ela ainda tem funções inteligentes inéditas a cadeiras de rodas, como a assistência de energia mais leve, que facilita na subida de rampas e morros.

Seus desenvolvedores a chamam de Phoenix Ai Ultralight Wheelchair. A equipe por trás do produto é a Phoenix Instinct, cuja sede é no Reino Unido.

2. O Evowalk é um dispositivo que abraça a perna do usuário e possui sensores que analisam o movimento de caminhada e estimulam os músculos de acordo com os obstáculos. O desenvolvedor é a equipe norte-americana Evolution Devices. A funcionalidade de estimulação muscular personalizada e cronometrada permite que, com o passar do tempo, os músculos passam a responder por si mesmo, reabilitando-se a forma de andar.

3. A italiana Italdesign criou o primeiro serviço de mobilidade compartilhada para usuários de cadeiras de rodas. O Moby, que funciona por meio de um aplicativo, opera em centros urbanos e oferece às pessoas com mobilidade reduzida uma série de dispositivos que tornam o translado pelas cidades fáceis e ágeis.

4. A equipe Qolo (ou Qualidade de Vida com Locomoção), da Universidade de Tsukuba, no Japão, desenvolveu um exoesqueleto móvel sobre rodas. O invento ajuda os usuários a se sentarem ou ficarem em pé com facilidade, removendo a ‘cadeira’ da ‘cadeira de rodas’. A mobilidade é controlada pela parte superior do corpo, permitindo a operação sem as mãos. O dispositivo possibilita também que os usuários caminhem em pé, alterando os aspectos fisiológicos e sociais da vida cotidiana.

5. Por fim, a norte-americana Quix, da equipe da IHMC & MYOLYN, também criou um exoesqueleto altamente móvel, que oferece mobilidade vertical rápida e estável. O dispositivo usa atuação modular, tecnologia de percepção de veículos autônomos e algoritmos de controle, comuns em robôs humanoides, tudo para fornecer mobilidade, segurança e independência.

“Há tantas oportunidades tecnológicas para explorar e abordagens para aliviar os desafios decorrentes da paralisia dos membros inferiores”, diz Eric Krotkov, diretor científico do Instituto de Pesquisa da Toyota. “Uma competição como o Mobility Unlimited Challenge faz com que os inovadores se concentrem no mesmo problema e identifiquem algo de grande interesse comum para a sociedade ”.

Veja abaixo o vídeo divulgado pelo programa:

 

Siga-nos nas redes sociais.
@PortalNeoRadar

 

Leia mais:
Desafios e oportunidades do financiamento à inovação
Inteligência Artificial contribui para mobilidade de pessoas em situação de cadeira de rodas
Entenda a técnica que pode ter sido utilizada para criar bebês resistentes ao HIV
Empresa canadense oferece financiamento para pagar anúncio de Startups no Google e no Facebook

Curtidas:
3 0
Visualizações:
95
Categorias:
Notícias