O olhar dos investidores sobre o “AgriFood”

A nova galinha dos ovos de ouro para os investidores são as startups voltadas para a indústria dos alimentos e da agricultura. Quem garante isso é o relatório publicado pela AgFunder – um fundo de capital de risco voltado para o setor alimentício. O AgriFood Tech Investing Report – 2018, mostra que investidores têm apostado bilhões de dólares em startups como a indiana Swiggy e a brasileira iFood.

Segundo divulgado no relatório, o AgriFood tem ganhado cada vez mais espaço para crescer. O investimento aumentou de um ano para outro, 43%, atingindo US$16,9 milhões em 2018. O documento ainda revelou que a tecnologia AgriFood é “pequena, mas crescente no segmento do universo de startups que visam melhorar ou promover uma disruptura na indústria global de alimentos e agricultura”.

Embora algumas startups das categorias de tecnologia AgriFood – como softwares de entregas ou restaurantes – tenham se tornado populares para os capitais de risco, agora estamos vendo um conjunto mais diversificado de empresas inovando em toda a cadeia de fornecimento de alimentos.

Os investimentos injetados no AgriFood tem permitido a entrada do mercado internacional com facilidade no negócio. Segundo o estudo, os EUA tem sido o ponto central das negociações, mas a transação comercial tem realmente tomado proporções globais, com o envolvimento de outros 58 países.

Para saber mais sobre inovação, tecnologia e o ecossistemas de startups, siga nosso portal nas redes sociais @PortalNeoRadar.

Veja mais:
Após um ano, Glovo encerra operações no Brasil
Startup de delivery na Índia recebe investimento bilionário
A expansão tecnológica e do ecossistema de startups brasileiro
Startup sul coreana do setor de finanças levanta R$ 80 mi e se torna nova “startup unicórnio”

Visualizações:
5301
Categorias:
Notícias