Novo “unicórnio” brasileiro, startup Loggi

Com o proposito de conectar empresas, consumidores e motofretistas, a Loggi, startup paulista, entrou para a lista de empresas avaliadas em US$ 1 bilhão, após rodada de investimento de 150 milhões de dólares. Os investimentos foram feitos por SoftBank, Microsoft, GGV, Fith Wall e Velt Partners.

Termo muito comum no ecossistema, os “unicórnios” são startups que atingem o valuation de 1 bilhão de dólares ou mais. O termo surgiu como referência às lendas do Vale do Silício que inspiram os sonhos de empreendedores do mundo todo.

Conhecida pela marcante cor azul, a Loggi esta presente em diversas regiões de São Paulo. A empresa foi fundada em 2013 pelo francês Fabien Mendez, o CEO, e pelo brasileiro Arthur Debert, Head de Produto. Hoje, ocupa um prédio na Alameda Santos, na região da Avenida Paulista.

Agora, o Brasil possui oito startups denominadas como “unicórnio”. Entre elas estão a 99, iFood, Movile, Nubank, Gympass, Stone e Arco Educação.

Quer saber mais sobre notícias, análises, conceitos e tendências do setor da inovação e tecnologia, acesse nossas redes sociais e fique ligado! @portalneoradar

Veja também:
Por que a Europa não tem um Google ou um Alibaba?
Novos unicórnios fazem transações no mercado para crescerem mais rápido
Veja como as startups chamadas “unicórnios” estão se movimentando para um modelo de capital participativo

 

 

Visualizações:
11840
Categorias:
Notícias

Ver também