Coronavírus: Lâmpadas ultravioletas podem ser usadas na desinfecção

lâmpada ultravioleta

Método utilizando lâmpadas UV-C começa a ser ampliado para esterilizar superfícies contaminadas pela Covid-19, incluindo EPIs, hospitais e até ônibus

Um grupo de pesquisadores da Universidade de Columbia, nos Estados Unidos, estão trabalhando na criação de lâmpadas ultravioletas para destruir vírus há anos, porém a pandemia do coronavírus poderá, em breve, coroar seus esforços. As lâmpadas UV-C são utilizadas para matar micróbios, especialmente em hospitais e na indústria de alimentos. É uma tecnologia de plena expansão na pandemia. 

Apesar diso, os raios UV-C são considerados perigosos para a pele e para os olhos e não podem ser usados na presença de pessoas. O metrô de Nova York, seguindo o exemplo dos metrôs da China, será parcialmente desinfetado com luz ultravioleta, mas apenas no início da manhã, quando estiver fechado.

A equipe do Centro de Pesquisa Radiológica de Columbia trabalha há anos em diferentes ultravioletas, chamados “distantes” (sua frequência é de 222 nanômetros), para demonstrar que são eficazes na morte de vírus, sem riscos à saúde, explicou à AFP David Brenner, diretor da unidade.

Segundo Brenner, nessas frequências, os raios não penetram na superfície da pele ou nos olhos. Isso significa que os UV-Cs podem ser usados em locais fechados de alta frequência, onde a contaminação é particularmente temida.

Inicialmente, a equipe de Brenner estudou a eficácia desses UV-C distantes contra bactérias resistentes a medicamentos. Em seguida, concentrou em seu uso contra os vírus, começando com a gripe. Até o novo coronavírus chegar. Para testar esses raios com o coronavírus SARS-Cov-2 seus equipamentos tiveram que ser transferidos para um laboratório universitário mais seguro.

O experimento vai durar 60 semanas. A equipe já explicou o que está fazendo no site Research Square, da revista Nature, mas até que todas as etapas sejam cumpridas, nenhuma conclusão será validada pela comunidade científica.

Siga o Neo Radar no Instagram e tenha acesso à conteúdos exclusivos!

Views:
1055
Article Categories:
CoronavírusNotícias

Ver também