Como inovar no processo de recrutamento e atração de talentos?

A área de Recursos Humanos vem se modificando de maneira rápida nos últimos anos e sido cada vez mais protagonista em momentos de crise, crescimento e reestruturação das empresas. Graças ao avanço de novas tecnologias, plataformas robustas, técnicas ágeis e empresas especializadas nessa atividade, o RH teve um grande salto em seus resultados e inovações.

Uma atividade que demanda muito tempo e energia da área de Recursos Humanos é o recrutamento e atração de profissionais. Esta atividade é crucial para o crescimento das empresas e principalmente para a manutenção da qualidade dos processos de cada companhia, mas muitas vezes conflita com outras tantas rotinas e responsabilidades. Por isso têm surgido empresas especializadas no processo de recrutamento para auxiliar a área de Recursos Humanos.

Essas empresas reúnem informações valiosas, tem um contato próximo com os melhores profissionais disponíveis e estão por dentro da movimentação do mercado. Além de especializadas em otimizar o processo seletivo e ganhar tempo e assertividade nas contratações. Existem empresas de plataformas para automação atividades, consultorias tradicionais e algumas, como a Yellow que atua tanto no processo seletivo completo como no auxílio e aplicação de ferramentas inovadoras para o recrutamento.

O mais importante que essas empresas têm trazido é o impulsionamento das inovações na área do RH. Elencamos 4 inovações que podem ser incluídas a um processo seletivo:

1. Ações de marketing para melhores resultados

A área de RH tem se unido cada vez mais à área de marketing, tanto nas ações de employer branding, como no recrutamento. Uma das atividades mais sinérgicas destas duas áreas é a atração de talentos. Desde definir quais os melhores canais para divulgar a vaga até em como abordar talentos de áreas específicas, a atuação do marketing está presente, bem como todas as suas ferramentas e soluções disponíveis.

2. Testes para análise de perfil comportamental

Muitas vezes, uma entrevista não é o suficiente para identificar o perfil comportamental, e por isso uma análise parametrizada auxilia na tomada de decisão e minimiza os prejuízos de uma contratação ruim. Por isso incluir uma análise de perfil comportamental, auxilia na identificação de uma pessoa que possa se adequar melhor à sua empresa, ao futuro cargo e aos colegas de trabalho, ou até a pessoa que possa fazer a mudança interna necessária.

3. Diagnóstico de clima

É essencial acompanhar o novo colaborador em sua adaptação no cargo novo. Uma forma de avaliar isso é aplicando um diagnóstico de clima. Além de analisar como esse profissional está lidando com o novo cargo e empresa, você consegue analisar o clima do time inteiro. Com essa informação em mãos você poderá saber como está a satisfação dos colaboradores e traçar planos eficientes de melhorias internas.

4. Mapeamento de mercado

Estar por dentro das movimentações e novidades do mercado pode não ser fácil para quem está com muitas tarefas diárias. Mas é preciso se manter atualizado para encontrar a melhor forma de atrair bons profissionais e retê-los. As empresas de recrutamento que trabalham com as mais diversas áreas de atuação possuem um alcance nacional, seus especialistas conseguem obter muitas informações privilegiadas e direto das fontes, além de possuir um grande histórico em seu banco de dados. Um bom mapeamento de mercado auxilia também para definir qual o salário médio dos profissionais da área e quais benefícios estão sendo valorizados pelos candidatos.

Views:
204
Article Categories:
Notícias

Ver também